Saudade

Pequena flor do meu jardim

Querido filho,
levaste do meu jardim um das flores mais belas em todo o seu esplendor.
O canteiro que ela ocupava continuará a ser regado,
apesar de empobrecido,
não será jamais esquecido,
que nele cresceu uma semente alimentada pela força do meu amor,
carinho e devoção com que sempre me dediquei a ti,
minha paixão.
Quis o destino que a mesma fosse colhida pela raiz,
deixando no local um vazio perpetuado
pela saudade de não poder ver a tua flor
ser banhada pelos raios solares e pela rega do meu amor.
Hoje humedeço a terra com as minha lágrimas
e remexo na mesma com o peso da minha angústia e saudade,
esperando que a minha dádiva tenha sido o que melhor te aconteceu.
Só me resta agora orar que Deus cuide da minha querida flor por mim.
Amo-te simplesmente pequena flor do meu jardim.


Rute Reis Figuinha

O meu nome, Mãe.
Sou uma mãe de três filhos em que dois vivem comigo no plano terrestre e o mais velho de apenas 18 anos e 364 dias resolveu ir viver para o plano espiritual o resto da minha vida.
Somos uma família de cinco e seremos para todo o sempre.

You may also like...

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *