Sobre o blog

Esta é uma página que foi criada em homenagem ao meu querido filho Pedro Figuinha que partiu do plano terrestre no passado dia 24 de Maio de 2019 com apenas 18 anos e 364 dias, deixando um grande vazio em nossos corações. Serás para sempre lembrado e jamais serás esquecido.
Amo-te e Amar-te-ei Eternamente Pedrocas.
Para sempre tua, para sempre meu.

8 Comments

  1. Fernanda Barata says:

    Um abraço muito forte!

  2. Antonio Rodrigues says:

    Boa tarde Rute gostei da entrevista e sinto que tou com esse problema.

    1. Rute Reis Figuinha says:
  3. Carla Alves Rodrigues says:

    Querida Rute,
    Acabei de ver a sua história no programa do Manuel Luis Goucha e não consegui deixar de lhe escrever uma mensagem para lhe enviar um grande abraço.
    Sou mãe de dois filhos, e nem imagino o que seria perder um deles!
    A Rute é, sem dúvida, uma guerreira na luta que deve ser ultrapassar a morte de um filho.
    Grata por ter partilhado a sua história, tão íntima.
    Desejo do fundo do meu coração que consiga viver com esta dor da melhor maneira possível, e lembre-se dos seus outros filhos, que precisam muito de si e que por certo vêem em si uma grande Mulher.
    Obrigada de coração. Fiquei muito triste por ouvir a sua história, mas ao mesmo tempo senti uma enorme alegria por saber que há pessoas tão bonitas como a Rute.
    Um grande beijinho
    Carla Rodrigues

  4. Óscar Martins says:

    Boa tarde Rute,
    Vi atentamente a entrevista no programa do Goucha.
    Só quero escrever duas paralvras sentidas. Continue a dar força a todas as pessoas que possam estar a passar o mesmo que o vosso amado filho.
    Como ser humano, só me resta agradecer-lhe, e ao mesmo tempo dizer que fiquei com muitas asas para voar….

    Bem hajam…

    Obrigado

  5. Ana Paula Almeida says:

    Boa tarde Rute,
    Tive conhecimento da sua “triste” história no programa do Goucha
    Quero lhe dar os parabéns por toda a força e coragem que tem tido.
    E pelo trabalho que desenvolve.
    Estou ansiosa pela saída do seu livro, irei adquirir.
    Infelizmente, sei o que é essa doença.
    Mas não é de mim que vou falar.
    Caso precise de alguma coisa, mesmo não nos conhecendo. Pode contar comigo.
    Porque por vezes, a Rute também deve precisar.
    Não podemos só dar também temos de receber.
    A Rute é uma pessoa muito especial, só uma pessoa especial é que desenvolvaria um trabalho tão grandioso.
    Cumprimentos

  6. Maria Barbeiro says:

    Boa tarde. Estive a ver a sua entrevista que muito me sensibilizou. O meu Marido faz consultas para a depressão e tem ajudado tantas pessoas, é como se ele conseguisse lê-las. Espero que consigo lidar com seu sentimento. Até sempre

  7. Ana Maria Pratas de Matos says:

    Olá. Vi o seu testemunho no programa do Goucha. Fiquei impressionada. Triste por vocês. Pela vossa família. O que lhes posso dizer… Que é uma mulher de força. Que Deus a tem ajudado e irá ajudar ao longo da vida, pode crer.
    Receba um beijinho no coração. De mãe para mãe. Tenho dois filhos. Irei segui-la por aqui. Força. Coragem. Super mãe. Adorei conhecê-la…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *